Rali começa mal...ou se calhar não!!!

“O jovem piloto português despistou-se no “shakedown” matinal e o resultado foram 5 feridos. Pelos vistos o acidente ocorreu numa zona interdita à presença de público, onde além dos cinco elementos colhidos pelo carro, estavam várias outras dezenas de pessoas, apesar das expressas indicações da organização para se confinarem às zonas autorizadas.
O acidente ensombra já a prova que esteve fora dos campeonatos do mundo precisamente devido ao mau comportamento dos espectadores em edições anteriores. Para tentar evitar este tipo de acidentes, a segurança foi um dos principais investimentos da organização. Do orçamento para o rali, cerca de 300 mil euros foram gastos com a segurança, não só na prevenção, mas também no que diz respeito às condições para ser efectuada a assistência médica (…)”



Eh pá atenção que estamos em Portugal…estas coisas também devem ter em atenção a cultura das gentes, os costumes e etc. e tal.
Já se sabe que por cá, onde há qualquer coisa interessante para ver, as pessoas gostam de estar “em cima do acontecimento”, não é agora na retaguarda, onde não se sente a verdadeira adrenalina.
Bem…pelos vistos, um dos feridos, era um jornalista, ora o Senhor só deveria querer “apanhar” o melhor ângulo para fazer a sua reportagem fosse ela fotográfica ou não, mas quem foi apanhado foi ele.
Então, não me digam que uma parte dos 300 mil euros gastos em segurança foram para comprar daquela fita vermelha e branca de proibição de passagem?? Já se sabe que essas coisas ninguém respeita, arranca-se logo e dá-se outra utilidade.
E não ter acontecido uma tragédia maior foi uma sorte, também porque o acidente ocorreu logo pela manhã, porque se fosse em hora mais adiantada não me admirava nada que estivesse por lá a malta a fazer um pic nic daqueles valentes com garrafão de vinho e tudo, como é hábito do verdadeiro Portuga. Ai que desgraça lá se iam as pataniscas e o verde tinto!

Comentários