Mensagens

A mostrar mensagens de Julho, 2011

A odisseia

Imagem
A odisseia do bikini terminou ontem. Modelito entregue, devolvido, encomendado novamente e eis que chega, ainda dentro da época balnear, para minha sorte.
A minha experiência em compras na internet não é longa, sobretudo com encomendas de roupa vindas em catálogos, mas a minha falta de paciência para idas ao shopping e andar de loja em loja fez com que caísse na tentação das compras à distância. O ano passado foi um vestido para um casamento que, bem vistas as coisas, até nem correu muito mal. Chegou dois dias antes do evento e o tamanho estava correcto.
Desta vez, com o bikini a experiência complicou-se. Primeiro porque tudo fica muito bem nas fotos mas é naquelas fulanas sem ponta de banhas e onde qualquer trapo assenta. Segundo, não podemos arriscar nos tamanhos porque a troca pode ser bem mais demorada do que pensamos. Terceiro, aquele mito das riscas confirma-se.Os espelhos cá de casa não enganam.
É pena que o tecido não seja o melhor para limpar o pó mas hei-de encontrar utilida…

Do afagar

Depois dos últimos dias de trabalho, a ideia de dormir mais do que as oito horas parecia o remédio perfeito.
Não fosse às 08 da matina um grupo de trabalhadores decidir conversar junto da janela do quarto e meia hora depois terem uma máquina de polimento de chão a funcionar no andar de cima.
Se gosto de apartamentos e viver no rés do chão? Cada vez menos.
Mas com isto, dei comigo a pensar nas inúmeras classificações de profissões e de categorias profissionais que, tantas vezes, fui lendo nos instrumentos de regulamentação colectiva. Encontrei a razão de existirem os afagadores de tacos.
Se é estapafúrdio? É.

"Procura-se, por uma vida eterna"

Sento-me a escrever depois de dar uma mirada ao pequeno "tesouro" que vai fazer cerca de um mês me foi oferecido, a par de um abraço que mudou o mundo, o meu mundo, a minha vida. A pequena garrafa com uma mensagem no interior, uma mensagem em formato de fotografia devolve-me, em cada dia, o valor do que é sorrir, do que é acreditar, do que significa um "nós".
Nos últimos tempos (muito tempo), inconscientemente, vivi diversos níveis de emoções em simultâneo...revolta, mágoa, medo, culpa e amor saltitavam em mim, opondo o melhor e o pior...e continuo por cá, reflectindo cada vez mais no processo contínuo da cura de emoções.

A par de tudo isto sonho com as férias, com um merecido descanso envolto de paz e tranquilidade,passeios na praia, beijos salgados e, espero, muito sinceramente poder nadar no mar ainda este século...isso, e vestir um Bikini decente!
Quero voltar a ler livros bonitos e parar um pouco com as bibliografias por obrigação (a tese já lá vai, finalmente…