Mensagens

A mostrar mensagens de Fevereiro, 2013

Pensamento que antecede o dia

Percebes que algo de errrado se passa  na tua vida quando recebes um daqueles emails "standard" de parabéns e coiso e tal e sorris embebecida para o ecrã do telemóvel.

Da arte de encontrar

O que há muito estava escondido. Não falo de nenhum tesouro, mas sim de um resto de chocolate negro (de culinária).
Ali no fundo do armário. Estava e já não está.
Este meu estâmago elástico...

Sol = sardas

Imagem
O vento frio. As gaivotas junto aos veleiros. As pessoas aos grupos na ciclovia. Os miúdos de patins. Os estrangeiros estendidos ao sol nos bancos voltados para o mar. O cheiro a peixe grelhado no primeiro restaurante. Os cães, tantos cães e todos tão diferentes. As motas barulhentas. O vento que me empurra para trás. As ondas que embatem nas rochas e se multiplicam em espuma. O sol a aquecer-me a cara enquanto leio uma revista encostada à muralha de pedra. O domingo assim, a brilhar no oceano luz."Céu azul com mar ao fundo".




Parvoíces

1. Parece que o Justino vem cantar a Portugal...nunca aquela expressão "cortava-lhe o cabelo à chapada" teve tanto significado.

2. Podem cantar Zeca Afonso, a "Grândola" ou outras cantigas em Espanha, Portugal ou em Marrocos, mas afinem por favor!!

Dos dias fofinhos

Para manter a tradição... Parece que é dia de enviar flores e frases bonitas a uma e jantar com outra. Casais modernos é o que vos digo!!!

Das marcas ou produtos proibidos

Sem pensar muito nas consequências...

Ele há melhor coisa do que chafurdar tostas ou grissinis num pote de Nutella?

Devem existir outros "pecados" mas por agora confesso este que, desde ontem para cá, me deixa a pensar que devo ter algum distúrbio alimentar e dos grandes porque é com cada surto de necessidade de porcarias que nem sei como o meu estômago aguenta.
E recuei a 2004 quando em Pádova íamos ao Auchan e trazíamos todos os produtos que houvesse da Ferrero por preços loucos e foi, literalmente, o tempo da engorda!! Nunca comi tanta Nutella e tantos Kinders na vida...
Até ontem.

E foi-se o Sol

Imagem
Hoje o céu voltou aos tons cinzentos.
Ontem o sol fez lembrar dias de primavera. Fui ao Guincho e estive ali sentada, a ver os estragos nos pés por ter levado umas sapatilhas que, definitivamente, não são para caminhadas. E o mar, a criança de leste que molha os pés e as calças sem receio ao frio, enquanto é vigiada por duas mulheres que falam e falam sem que seja possível perceber uma palavra do que dizem. E o pai que brinca com a filha na areia, apenas os dois sem falarem, o que me deixa a pensar, a pensar. E os homens que lançam um avião telecomandado da arriba e fazem-no serpentear o céu. E as meninas vestidas de princesa que correm na areia.

De Lisboa... ou de coisas que eu não fazia e agora faço

Comer em restaurantes indianos, chineses, japoneses e afins (alguns ilegais, que é para a experiência sair reforçada).
Pedir "imperial" em vez de fino (ao café nunca se aplicará a "bica". Só porque deixei de beber café).