"Procura-se, por uma vida eterna"

Sento-me a escrever depois de dar uma mirada ao pequeno "tesouro" que vai fazer cerca de um mês me foi oferecido, a par de um abraço que mudou o mundo, o meu mundo, a minha vida. A pequena garrafa com uma mensagem no interior, uma mensagem em formato de fotografia devolve-me, em cada dia, o valor do que é sorrir, do que é acreditar, do que significa um "nós".
Nos últimos tempos (muito tempo), inconscientemente, vivi diversos níveis de emoções em simultâneo...revolta, mágoa, medo, culpa e amor saltitavam em mim, opondo o melhor e o pior...e continuo por cá, reflectindo cada vez mais no processo contínuo da cura de emoções.

A par de tudo isto sonho com as férias, com um merecido descanso envolto de paz e tranquilidade,passeios na praia, beijos salgados e, espero, muito sinceramente poder nadar no mar ainda este século...isso, e vestir um Bikini decente!
Quero voltar a ler livros bonitos e parar um pouco com as bibliografias por obrigação (a tese já lá vai, finalmente!), quero sentir que não tenho nada para fazer mesmo sabendo que gosto de me sentir ocupada, quero voar no tempo, quero falar, escutar, quero partilhar,quero fotografar momentos, quero escrever, quero dedicar músicas, voltar a ir a um concerto, rir com alma, pensar em viagens e, porque não, concretizá-las...
Quero contemplar mares, rios, montanhas, quero conhecer a história dos sítios e ver o mar da janela...

Quero uma vida eterna de vida!

Comentários

  1. Dançar na rua, na praia, no jardim...

    E o "menino dança"? :)

    ResponderEliminar
  2. The Book of Love is long and boring
    No one can lift the damn thing
    It's full of chance and facts and figures
    And instructions for dancing

    But I, I love it when you read to me
    And you, you can read me anything

    The Book of Love has music in it
    In fact, that's where music comes from
    Some of it's just transcendental
    Some of it's just really dumb

    But I, I love it when you sing to me
    And you, you can sing me anything

    The Book of love is long and boring
    And written very long ago
    It's full of flowers and heart-shaped boxes
    And things we're all too young to know

    But I, I love it when you give me things
    And you, you ought to give me wedding rings

    And I, I love it when you give me things
    And you, you ought to give me wedding rings

    You ought to give me wedding rings

    Letra da música The Book Of Love - Shall We Dance Soundtrack

    ResponderEliminar

Enviar um comentário