Sol = sardas



O vento frio. As gaivotas junto aos veleiros. As pessoas aos grupos na ciclovia. Os miúdos de patins. Os estrangeiros estendidos ao sol nos bancos voltados para o mar. O cheiro a peixe grelhado no primeiro restaurante. Os cães, tantos cães e todos tão diferentes. As motas barulhentas. O vento que me empurra para trás. As ondas que embatem nas rochas e se multiplicam em espuma. O sol a aquecer-me a cara enquanto leio uma revista encostada à muralha de pedra. O domingo assim, a brilhar no oceano luz."Céu azul com mar ao fundo".




Comentários