Confiança q.b

Estou realmente surpreendida e, no fundo, triste por saber que alguém que prezo muito vive com outro alguém que não tem a confiança suficiente e é capaz de não respeitar a individualidade da pessoa com quem partilha os dias. Pena é que gaste tempo em coisas estúpidas e fúteis e não dedique mais tempo ao Amor, à Amizade,à Partilha, à Relação, à Compreensão, ao Bom Humor, à Descoberta, à Liberdade,...isto são suposições e quem sou eu para julgar alguém, nem o quero fazer porque não tenho esse direito.
Vou esperar que alguém me telefone e o meu amigo que me desculpe se perder as estribeiras e for mal educada com quem estiver do outro lado. Mas provavelmente não terá coragem para ligar porque, no fundo, pediu o número apenas para confirmar qualquer coisa estúpida que lhe terá passado pela cabeça e para ter argumentos para haver mais uma discussão lá em casa, ou simplesmente, para que eu possa perceber que ela é uma pessoa "atenta". Mas no fundo, só fiquei a pensar que lhe faltam alguns e bons princípios.

Comentários