A banhos...

Anda tudo a banhos...
O período pré-férias para mim é semelhante ao final do ano, em que a mudança do ano nos coloca as expectativas do que virá. Pensa-se em retomar as energias necessárias para um novo período e só pensamos nas férias, já não há crise, nem subidas de preços de combustíveis, nem derrotas no futebol, a política está serena e mais, nem se vê tanta televisão porque os programas são todos repetidos.
Fartamo-nos da publicidade com os bikinis reduzidos e chateamo-nos de pensar que nunca poderemos vestir uns iguais. A probabilidade de ficarmos encurralados no trânsito e na confusão é bem maior do que no resto do ano, e é certo que a maioria dos carros têm matrícula francesa.
E depois os dias passam a voar, sem conseguirmos explicar como o tempo corre quando estamos de férias.
Mas é bom voltar ao reboliço, à agitação, ao dia-a-dia monótono que nos preenche os dias. Rever as tomadas de decisão, os comportamentos, as atitudes, as reuniões, os sorrisos, o mau humor e tudo mais.
Já falta pouco...para ambas as situações, mas antes, vamos a banhos...

Comentários