Acordar

Eram 8h00 da manhã e havia um manto de copos de plástico a brilhar com os primeiros raios de sol da manhã...
O rei imponente, ergue-se no meio da praça, mas foi incapaz de deitar a mão aos que aos seus pés se espolinharam, beberam, dormiram e outras coisas mais.
O frio entorpece os movimentos e apressa o regresso a casa, ou deveria apressar...
Ao mesmo tempo que se varrem as ruas, entre o tilintar dos vidros e o lixo amontoado, continuamos as conversas, as histórias...nada se varreu...nem tão pouco a amizade...

Comentários