Do ser...


Há dias cinzentões em que o infinito se atravessa no nosso olhar...com dúvidas, com hesitações, sem uma pontinha de garra e sem um único sorriso que nos lembre a alegria do Ser.

Comentários