Bom dia

Estou para pedir a Harvard um estudo, ou a algum especialista-médico-terapeuta da fala para que me expliquem qual a dificuldade das pessoas (ditas normais, sãs, com capacidades cognitivas e mobilidade física) em dizer "Bom dia" quando nos cuzamos com elas.
É que, noto com frequência que falo para o boneco, ou melhor digo "bons dias" a bonecos que não respondem, nem ai nem ui.

E a mim só me dá vontade de abanar estas pessoas, a tal ponto de as fazer gritar!
Será que o problema é do interlocutor (eu)? Será que é porque ainda não tomaram o café da manhã? Será das vidas cinzentas que as pessoas levam? Será má educação? Será personalidade, feitio ou mesmo defeito?
Será habituação ou má criação?

Não sei...mas para toda esta gente não me canso de dizer bom dia!

Comentários

  1. Faz o que eu faço: digo "bom dia" e, se a pessoa não responde, replico "se calhar é um mau dia e eu não reparei ainda". Não altera a macambuzice das pessoas mas, pelo menos, divertes-te com a situação.

    ResponderEliminar

Enviar um comentário