Se...(cont.)

Se ao menos eu pudesse parar o tempo...
Manter-me assim...imóvel, de respiração suspensa, à espera que nada mais aconteça e que não haja amanhã, não haja o regresso, o despegar desta força que mobilizou o meu ser.
Se ao menos eu pudesse parar o tempo...
Ser a praia, a luz, o vento, o nascer do dia, o rodopiar das folhas, a noite escura,o imenso luar, o dia de verão, o sol abrasador...
Se ao menos eu pudesse parar o tempo...
E devolver o que ele me foi tirando...a esperança, o desejo, a paixão, a ternura, as palavras, o sussurro da ilusão...
Se ao menos eu pudesse parar o tempo...
E permanecer desligada do mundo, dos planos, dos outros, das regras, dos minutos diminutos...
Se ao menos eu pudesse parar o tempo e ficar assim...eternamente feliz.

Comentários