*Há dias assim...

Chove mesmo muito.
Nem os pombos saem das casotas do velho espigueiro.
Vejo e leio as primeiras notícias do dia, ou melhor, do dia anterior. Ler o jornal ao domingo foi a única rotina (boa) que introduzi cá em casa, já lá vão 10 anos.
Na Tv recordam-me que falhei a 46ª edição do Festival da Canção e que, pela primeira vez, na história deste Blog não existem argumentos para descrever essa gala de música diferente que, na maioria das vezes, nos permite momentos de verdadeira catarse!
Vi e ouvi, portanto, de olhos esbugalhados a balada vencedora (intitulada como a epígrafe), cantada por uma menina de vestido de tule esvoaçante e recordo que quem participa nas votações, na maioria dos casos, são pessoas ligadas à música. E isso é preocupante!
E de resto é futebol, futebol, futebol!
Tirando isto, as minhas pernas acusam ferrugem, em proporcões semelhantes à que se espalhou pela "Borboleta". Mas nada que não se recupere!


*"Há dias assim..." é, há muito, uma rúbrica deste blog :)

Comentários