No fim do dia

Nos dias em que me sinto melhor quando saio do trabalho muito tarde é quando posso ver a lua. E bem redonda e luminosa.
Porque as chatices podem ser muitas mas não me canso de admirar essa imagem e procurar a grande roda luminosa por entre as árvores e ver as sombras que cria no caminho.
Finalmente há algo mais do que nevoeiro cerrado, chuva, vento tempestuoso.

Mensagens populares deste blogue

Do mar de Santa Cruz, com Berlim no pensamento

O senhor Rui

O dia de hoje naquele outro dia