Com música tem tudo muito mais sentido

Há momentos, na ciclovia, eu tentava correr enquanto as minhas lesões picavam cada um dos pés.
À minha frente uma senhora com idade superior a 40 corria acompanhada por dois cães. Para além de correr a sério, cantava alegremente uma canção latina-lamechas-romântica. "Quem canta seus males espanta", mas aquela senhora não deve ter nada para espantar.

Comentários