A saga continua

Das coisas mais estúpidas que tenho feito é acender a lareira para aquecer a casa e passados dez minutos estar a abrir a janela para sair o fumo da sala.
E ainda estão para inventar o ambientador que elimine o cheiro a fumo!!
Uma das quinhentas vezes que mudei de casa escolhi uma que tinha lareira e só mais tarde, contrato já assinado, grelhas protectoras de ferro compradas e, na primeira utilização, percebi que o pequeno buraco na parede não funcionava. Achei-a, na altura, demasiado limpa e não estranhei, mas quando me vi mergulhada numa nuvem de fumo percebi porque os anteriores inquilinos nunca a tinham utilizado.
Desta vez perguntei se funcionava mas já percebi que o afirmativo nestes casos pode ser muito relativo.
Eu sigo à risca as dicas que me vão dando, desde as cabaninhas, à lenha miúda, ás pinhas para atear o fogo. A tudo! E nada funciona o tempo suficiente para evitar eu começar a ver o fumo a sair e a subir paredes.
Não fosse a cimeira do clima e eu diria que os aquecimentos com o gás vindo da Rússia foi da melhor coisa que inventaram.


Comentários